10 motivos para se ter uma excelente comunicação interna

A comunicação, cujo primeiro registro data de oito mil anos a.C., foi essencial para o desenvolvimento e evolução do ser humano.

Hoje, também é responsável pela conservação e sustentação de uma empresa. Com ela, a informação é transmitida para clientes e funcionários de forma a alcançar os objetivos corporativos e gerar resultados mais assertivos.

No entanto, é preciso ter em mente que, para que não haja ruídos no diálogo com o cliente, é necessário um alinhamento entre os colaboradores. Isso se dá por meio da comunicação interna.

Também conhecida como comunicação organizacional ou endocomunicação, ela é responsável por canalizar a informação e, assim, fazer com que a cultura empresarial se desenvolva em torno de uma meta benéfica à companhia e aos colaboradores, e diminua os riscos de crises empresariais.

Atualmente, em um cenário tão competitivo, a comunicação interna pode ser a responsável pelo sucesso ou fracasso de uma organização.

Para que ela permaneça forte, mesmo com o passar do tempo, sua manutenção tem que ser feita regularmente por meio de treinamentos para a equipe de comunicação, conhecimento das novidades do ramo e adoção de ferramentas de aperfeiçoamento.

Tendo isso em vista, ter uma comunicação interna eficaz é essencial para construir a reputação de uma empresa perante o mercado e do grupo que a compõe.

10 motivos para se ter uma excelente comunicação interna

1. Veracidade e transparência

Transparência e veracidade são fatores imprescindíveis para que a comunicação interna ocorra de forma eficiente e sem distorção de informação. Por esse motivo, toda companhia deve ter canais oficiais de comunicação.

Ela pode ser feita por e-mail, jornal interno, comunicados impressos, revista da empresa, site destinado apenas a colaboradores, redes sociais, vídeo, newsletter, televisão organizacional, banner, boletim informativo, pop-up ou qualquer outro veículo que atinja todos que precisam receber a notícia.

Quando esses pontos são considerados, a empresa se torna sinônimo de credibilidade e evita especulações ao garantir que a informação correta chegue no momento adequado às pessoas que dela necessitam.

Entretanto, para conseguir esse reconhecimento, é preciso planejamento e informações válidas, ou seja, que não necessitem de retificações posteriores.

Toda companhia deve ter canais oficiais de comunicação para gerar mais credibilidade. Fonte: https://br.freepik.com

2. Dinâmica

Hoje em dia, com o mundo cada vez mais veloz, as pessoas esperam que a comunicação interna também siga esse preceito. Neste cenário, a agilidade é importante quando o assunto é transmitir uma informação.

A falta de rapidez na transmissão de uma mensagem pode gerar especulações e fofocas, e causar erros por parte dos funcionários e perda de credibilidade dos clientes na empresa.

Para que isso não seja feito de forma equivocada, uma dica é classificar as informações em relação à relevância e urgência. Assim, fica mais fácil escolher o veículo mais adequado para que a divulgação daquela mensagem seja feita.

Por exemplo: o que é mais importante? Avisar que no dia seguinte será feita a vacinação contra a febre amarela na empresa ou que em um mês será realizada a festa de final de ano? O que é mais urgente? Por ser um tema de saúde e a data da vacinação estar próxima, então, essa informação merece destaque.

Assim sendo, meios mais visualizados, como pop-up e e-mail, devem ser utilizados para a divulgação da vacinação contra a febre amarela. Já a festa de final de ano pode ser divulgada na televisão corporativa e no boletim interno.

A agilidade deve ser considerada ao transmitir uma informação, especialmente no cenário atual. Fonte: https://br.freepik.com

3. Engajamento e reconhecimento dos colaboradores

Para que o funcionário se sinta parte da empresa, é recomendável destinar um espaço para ele em um dos meios de comunicação interna. Contar a história de um dos colaboradores, uma vez por mês, na revista interna ou apenas responder suas dúvidas nas redes sociais já pode ser um bom começo.

Caso a empresa deseje engajar ainda mais seus empregados, é preciso reconhecer o trabalho deles. Isso pode ser feito por meio de mensagens de boas festas ou feliz aniversário, presentes por datas comemorativas e bons resultados, e promoções.

O sentimento de pertencimento à organização também pode ser gerado pelo recebimento de informações em primeira mão, como investimentos que serão feitos pela empresa, o posicionamento desta em relação a um projeto, mudanças nas políticas internas e as novidades da companhia. Com isso, os colaboradores se sentirão valorizados e importantes para o lugar onde trabalham.

Lembre-se que empresas são formadas por pessoas, sejam elas funcionárias ou terceirizadas, por isso, sempre invista para mantê-las atualizadas sobre o que ocorre na organização, afinal são elas as responsáveis pelos resultados que a companhia conquista.

Dessa maneira, elas são receptoras ao mesmo tempo em que fazem o papel de emissoras de uma mensagem. Isso quer dizer que a comunicação deve ser feita por elas e para elas.

É essencial lembrar que cada colaborador é parte importante da empresa, e ele deve saber disso para se empenhar cada vez mais no seu serviço. Afinal, como disse a Madre Teresa de Calcutá, “sou apenas uma gota no oceano, mas sem essa gota, o oceano seria menor”.

O colaborador é parte importante da empresa, e ele precisa saber disso para estar cada vez mais engajado com seu trabalho. Fonte: https://br.freepik.com/

4. Conhecimento da organização

Funcionários que sabem o que se passa na empresa, e conhecem a missão, visão e valores dela, são capazes de defender, com mais propriedade e convicção, seu trabalho e os produtos que oferecem aos clientes.

Por essa razão, como explicitado no tópico anterior, é importante que a comunicação interna transmita tudo o que acontece na companhia, porque, dessa maneira, os colaboradores se manterão informados e prontos para vender os produtos e serviços que a organização oferece.

A comunicação interna deve informar para o colaborador o que se passa na empresa, para que ele se mantenha sempre capacitado para vender produtos e serviços. Fonte: https://br.freepik.com

5. Alinhamento e motivação

A empresa que permite que seus funcionários deem feedbacks integra mais a equipe, ao fazer com que eles se sintam parte da empresa, e ainda ganha uma ajuda valiosa para aprimorar e corrigir os erros da organização.

Afinal, quem melhor do que aqueles que estão diariamente no local para identificar as falhas no dia a dia?
Para motivá-los e gerar colaboração, políticas de melhorias são empregadas em muitas empresas. Com elas, os funcionários que apresentam críticas positivas com soluções para os problemas acabam por ganhar bonificações monetárias ou mimos, como agradecimento.

É claro que não é só isso que deixa uma companhia alinhada. Também é importante reforçar, frequentemente, a missão, visão e valores da organização, para que os colaboradores trabalhem de acordo com os ideais da empresa.

Esse é um dos maiores benefícios da comunicação interna, pois permite que todos busquem um bem comum: eles seguem a mesma direção para atingir o objetivo coletivo.

Permitir que os funcionários deem feedbacks não só faz com que eles se sintam parte da empresa como ajuda a aprimorar e corrigir os erros da organização. Fonte: https://br.freepik.com

6. Troca de conhecimento

Quando se trabalha em equipe, as ideias e os resultados para a empresa são bem positivos. Não é à toa que muitas empresas disponibilizam um espaço para que os colaboradores troquem experiências e compartilhem conhecimento na comunicação interna.

Com isso, os funcionários sentirão uma maior empolgação em desenvolver determinado projeto, além de disponibilizarem informações importantíssimas para outras pessoas elaborarem novas propostas.

Assim, a interação entre os empregados tende a aumentar, já que cada se percebe como parte integrante de um time, de uma equipe. Essa integração poderá evitar desentendimentos, que poderiam prejudicar a atividade de todos.

O trabalho em equipe gera mais ideias e melhores resultados para a empresa. Fonte: https://br.freepik.com

7. Minimização dos efeitos de crises

Toda e qualquer companhia está sujeita a sofrer crises empresariais. Isso porque para se manterem ativas no mercado, as empresas passam por constantes transformações, sejam elas de natureza tecnológica, financeira, conhecimento ou qualquer outro aspecto que seja uma variável para o desenvolvimento da organização.

Independentemente de qual for o fator que desencadeia a crise, há uma enorme chance de ele estar especialmente ligado a problemas na comunicação interna. Por esse motivo, é necessário que a equipe esteja alinhada e a comunicação seja dinâmica, para, assim, amenizar os efeitos da crise.

É importante destacar que quando os colaboradores estão na mesma sintonia, e comprometidos com a empresa, a resolução de qualquer problema se dá de maneira muito mais rápida, pois todos estão preparados para imprevistos e conseguem solucioná-los de forma eficaz e sem demora.

Quanto mais alinhada estiver a equipe e mais dinâmica for a comunicação, menores serão os efeitos da crise. Fonte: https://br.freepik.com

8. Potencialização de resultados positivos

Para fomentar e impulsionar os lucros de uma empresa, a comunicação interna deve estar bem alinhada. Como este setor tem um custo relativamente baixo, o investimento constante nele trará resultados surpreendentes para a companhia.

Isso porque essa vertente se preocupa em alinhar os ideais para que o trabalho seja realizado em equipe e com a menor quantidade de erros possível. Afinal, equívocos geram refação e insatisfação, e, consequentemente, perda de dinheiro.

É necessário se preocupar também em alinhar os ideais para que o trabalho seja realizado com a menor quantidade de erros possível e maior lucro. Fonte: https://br.freepik.com

9. Melhora do clima organizacional

O que as melhores empresas para se trabalhar oferecem aos seus funcionários? Um bom clima organizacional.
É por isso que a comunicação interna preza por proporcionar um ambiente agradável a todos: que seja atraente e que promova interação, cooperação, motivação e, claro, produtividade.

Mas, a comunicação interna não atua só. Ela precisa da cultura organizacional para desenvolver uma atmosfera propícia para todos os colaboradores. Juntas, elas também analisam as expectativas da empresa em relação aos seus empregados. Isso engloba seus códigos de ética e conduta, as normas de organização e os valores que a regem.

No entanto, para que os objetivos sejam alcançados, é preciso elaborar uma estratégia com base em pesquisas internas realizadas periodicamente. Assim, a companhia terá funcionários empolgados e dispostos a trabalhar todos os dias com um sorriso no rosto.

Além disso, para se ter um bom clima organizacional é necessário dar espaço para o diálogo, pois uma empresa modelo preza pela sintonia e pela relação interpessoal, fatores que ajudam a levar a uma maior produtividade.

A comunicação interna deve prezar por um ambiente agradável, onde haja interação, cooperação, motivação e produtividade. Fonte: https://br.freepik.com

10. Evita rumores e boatos

Muitas organizações possuem a famosa “rádio peão”, ou seja, o boca a boca entre os funcionários. Essa prática pode gerar informações distorcidas ou incompletas, e causar um mal-estar e insatisfação para todos que fazem parte da instituição, a até mesmo acarretar em uma crise.

A comunicação interna entra também com a missão de minimizar, ou mesmo impedir, os efeitos da “rádio peão”. Para isso, deve contar com canais de comunicação eficientes e confiáveis.

Essa simples ação evitará rumores e boatos, e fará com que a organização cresça e fique longe de crises.

A empresa deve contar com a ajuda de canais de comunicação eficientes e confiáveis para evitar a “rádio peão”. Fonte: https://br.freepik.com

SiriusApp, comunicação com segurança!

Disponível para sistemas Android e iOS, o SiriusApp é um aplicativo de mensagem que conecta o mundo dos negócios.
Com ele, a informação é armazenada de forma a ser acessada quando e onde o usuário precisar, além de permitir o compartilhamento dos dados.

Isso porque todos os registros ficam armazenados em nuvem, o que garante mobilidade. Por suas mensagens serem criptografadas, o aplicativo oferece segurança da informação na disseminação do conteúdo.

Com o SiriusApp, a empresa ganha segurança, mobilidade e mais resultados em suas ações.

O SiriusApp permite a conexão com clientes em potencial e a criação de grupos com o time de colaboradores para trocar, de forma instantânea, mensagens importantes; gerenciar volumes crescentes de mensagens de forma mais eficaz; e fazer o atendimento a obrigações regulatórias e auditorias.

Enriqueça seu fluxo de trabalho com o consumo de conteúdo relevante para sua rotina, conecte pessoas e multiplique resultados com o SiriusApp.

Para saber mais, acesse: http://siriusapp.com.br

Compartilhar

Comments are closed.

Bitnami